Comprinhas

 
 
 
 
 
 
 
Ora bem, há praticamente um ano que não encomendava nada para o meu cabelinho. Pois que estou a fazer greve de compra na Sephora, durante 3 meses, ou seja até aos anos da velhota :D lá andei a ver o que me faltava, e tirando aquele kit da phyto (15€ na farmácia) o resto foi por menos de três dígitos na loja fofinha espanhola. Aquela máscara da L'oreal cheira tão bem, o resto já se sabe que é óptimo, pelo menos para mim, comprar estas coisinhas aqui já se sabe que ficam um balúrdio. 
Dei-me ao trabalho de comparar os preços, e se comprasse cá ficava 100€ a mais do que paguei. Mais do dobro. Era bom ajudar a economia e tal, mas a diferença é enorme. Para uma pessoa que gosta de ter o cabelo bem cuidado, que não gasta € em produtos de supermercado, devo dizer que 100€ por ano em produtos profissionais fazem a diferença. Pensem bem se não gastam isso durante um ano a comprar coisas para o cabelo? Entre gastar 100€ e mandar vir de Espanha, ou comprar cá e gastar 200€, não tenho dúvidas nenhumas. E não é preciso gastar muito para cuidar do cabelo. Já não corto o cabelo desde Janeiro, quando fiz uma mudança radical e foi metade do meu cabelo embora. Por vezes tenho saudades do cabelo comprido, mas o cabelo depois cresce. Agora adoro o cabelo assim, ainda não está pelos ombros mas quase. Uma mulher precisa de mudanças. Interiores ou exteriores. São precisas... 
Agora com licença que vou testar aquela máscara que tem um cheiro maravilhoso :)
Beijinhos*

Share:

2 comentários

  1. quando os produtos que uso agora estiverem perto do fim, tenho de fazer uma pesquisa a sério para ver o que encomendo para o meu cabelo, porque cabelos encaracolados dão muito trabalho; é uma luta enorme contra o frisado.

    a loja espanhola é uma fofinha

    ResponderEliminar
  2. Força nisso :) o cabelo encaracolado dá trabalho, o meu é meio encaracolado, quando é para escovar até uso os dedos, com a escova não vai lá, fica esquisito. Com os produtos certos o cabelo fica tão fofinho :)
    Beijinho*

    ResponderEliminar